Segunda etapa Brasileiro Motocross

Com o clima não favorável, com muita chuva e lama para os pilotos, a segunda etapa nos dias 03/10 e 04/10 foi bem desafiadora, principalmente no domingo dia 04/10.

 

Ocorrido em Penha-SC, no Beto Carreiro, a segunda etapa foi marcado com bastante queda na maioria das categorias, a categoria Elite-MX os pilotos conseguiram manter um ritmo empolgante e fizeram uma excelente prova.

 

Segue como ficou o pódio com os tempos da categoria Elite-MX

 

1 – Anthony Rodriguez (#127) – 36min41s

2 – Carlos Campano (#115) – 36min59s

3 – Paulo Alberto (#211) – 37min08s

4 – Jean Ramos (#10) – 37min51s

5 – Pepê Bueno (#97) – 38min18s

 

As categorias MX1 e MX2 tiveram trocas de posições a todo momento e foram corridas emocionantes.

segue os pódios das duas categorias:

 

MX1

 

1 – Anthony Rodriguez (#127)

2 – Carlos Campano (#115)

3 – Gustavo Pessoa (#891)

4 – Paulo Alberto (#211)

5 – Jean Ramos (#10)

 

 

MX2

 

1 – Pepê Bueno (#97)

2 – Fred Spagnol (#61)

3 – Lucas Dunka (#34)

4 – Gabriel Andrigo (#10)

5 – Léo Souza (#45)

 

A bateria da MXF onde correm as mulheres, precisou ser adiada. Segundo Diretor de Motocross da CBM, Wesley Magalhães, as condições da pista não era favoráveis, assim, a direção da prova optou por não realizar a categoria feminina nesta etapa.

 

“O terreno estava muito encharcado e nós decidimos adiar a bateria da classe MXF, tanto para proteger as meninas, como para que a pista mantivesse condições para os pilotos da Elite-MX, que correriam em seguida”, explicou Pakito, como é conhecido.

 

A terceira etapa do Brasileiro de Motocross esta confirmada para a cidade de São Jose – SC no dia 08 de Novembro.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *